Coloque a sua foto aqui: seja um seguidor do Santa Luzia Online

Archive for Dezembro 2008

E o G continua sob pressão

Fonte do blogger acaba de ligar afirmando que esteve há pouco almoçando com um membro graduado da administração [que tem trânsito livre entre os vereadores da base aliada do palácio municipal] contando que ouviu do interlocutor que tem gente por lá que não conseguiu pregar um olho sequer durante a noite por causa da escolha da nova mesa diretora da Câmara Municipal amanhã.

Tanto é verdade, que a eleição seria realizada pela manhã durante a posse e foi transferida [pela atual presidência] para as 16 hs. Essa atitude dá sinais robustos de que os vermelhinhos não têm nada assegurado a seu favor e com isso ganharam mais tempo para continuarem assediando o G na tentativa de garantir mais um voto.

-Mas está muito difícil! Segundo o palaciano, afirmou-me a fonte.

A "parada" está mais difícil do que eles imaginavam e as ofertas não estão sendo suficientes para seduzir os membros do G-5 que estão fechadíssimos com candidatura própria. Toda essa dificuldade que os inquilinos do poder estão encontrando para atingirem seus objetivos é reflexo da sua forma de fazer política. Nunca cumprem o prometido deixando os aliados de última hora distantes das decisões e dos recursos depois que os usam.

Ainda é cedo para se ter algum prognóstico do que vai acontecer amanhã. Tem muita reunião para acontecer no interior dos condicionados gabinetes municipais, inúmeros telefonemas a serem dados, muita insônia a ser curtida e o lance vai aumentando na mesma proporção das recusas dos membros do G-5.

É pagar para ver.

Reveillon

Hoje a city está pegando fogo. Opção para o reveillon é o que não falta.

Na danceteria Beleza Pura Dance Club acontecerá a "Festa do Ice" com DJ Judson comandando os 25 anos do seu já tradicional reveillon com direito ao primeiro grito de carnaval e tudo.

Já a banda Mistura Sensual [aqui da terrinha] comanda a festa da virada lançando seu DVD no Club da Piscina com muita cerveja e ice a R$ 1,99.

A disputa está acirrada. Seja qual for a opção o que vale é cair na gandaia para começar 2009 com todo gás...

IncomPTentes

O ano de 2008 está terminando e com ele chega ao final uma administração municipal e dois anos de governo do Estado. A partir daí faz-se necessário uma observação de ambos para uma avaliação e daí tirar-se algumas conclusões.

A primeira conclusão pode ser obtida sem muito esforço: o PT de hoje não é o mesmo de 2004 nem o de 2006. É um partido "mais dinâmico" e mais flexível com as coisas da política ficando muito distante dos discursos proferidos no calor das campanhas e aquém dos anseios do povo, para quem foi prometido um jeito novo de governar. Realmente, o PT mostrou seu jeito novo de governar atavés das alianças que fez para esse fim. Mostrou sua cara sem a máscara das ideologias de botequim retiradas dos manuais marxistas de bolso que eram pregadas pelos imaculáveis esquerdistas que repudiavam Jader e as "práticas tortuosas" de fazer política da direita.

Pobre direita. Quantas vezes não fostes taxada de corrupta, revanchista, fisiológica e outros adjetivos caluniosos pelos moralistas de plantão? Mas agora a verdade apareceu.

Na administração municipal ao longo desses quatro anos quais foram as grandes realizações? E os velhos problemas será que ainda existem? Ah, e a perseguição acabou? Vamos aos fatos.

Alguém diria: - Olha mas o pagamento do funcionalismo está em dia! Ora isso não é nenhum trabalho extraordinário de quem administra um município, é sua obrigação. E o calçadão? E o asfaltamento das ruas? Quanto ao calçadão, durante sua execução era visível uma placa no canteiro-de-obras informando o valor e a origem dos recursos [financiamento da Caixa Econômica Federal à ser pago com prazos a perder de vista], portanto também nada de excepcional. O asfalto faz parte de um programa chamado "Asfalto na Cidade" e foi uma contrapartida [que eles não divulgam] do Deputado Adamor (PR/G-8) através de emenda parlamentar ao orçamento estadual.

- Agora acabaram as grandes obras que tanto alardeiam aos quatro ventos, vamos colocar o pé no chão e ver a realidade.

Na educação as grandes obras são: salas superlotadas, inclusive com duas turmas ocupando a mesma sala [escola São José] sem carteiras para acomodar todos os alunos que não têm merenda diariamente [olha que foi prometida merenda regionalizada], as constantes greves de alunos e motoristas por falta na regularidade no pagamento dos ônibus, salas multiseriadas funcionando em barracões [Transcaté] sem as mínimas condições e tantas outras coisas que não serão citadas afim de evitar o alongamento da postagem.

Durante os quatro anos desse governo, instalou-se no município a ditadura do medo onde funcionários [são transferidos ou demitidos] e pessoas são perseguidas [caso dos taxistas] por não comungarem da mesma coloração política dos inquilinos do poder que perseguem sem piedade seus adversários.

A administração estadual da aventureira do poder, essa mesma é que não tem o que mostrar. Ou melhor tem: a contratação da sua cabeleireira como assessora especial, morte de mais de 40 crianças na Santa Casa, menor presa com bandidos numa mesma cela, contratação do aeroclube [dirigido pelo seu namorado] por 2 milhões de reais, espancamento dos professores em greve, abandono dos hospitais regionais que ela recebeu inaugurados e equipados e etc...

A única coisa que ela mostra em suas propagandas são o Hangar Centro de Convenções da Amazônia, Estação das Docas e Mangal das Garças. Obras do arquiteto Paulo Chaves realizadas pelos governos Almir Gabriel e Simão Jatene que foram duramente criticadas durante sua campanha.

Esse é o balanço dos dois governos. Portanto petistas, antes de sair por aí contando inverdades comprem pelo menos um vidrinho de óleo de peroba para passar na cara e admitam que são incomPTentes.

Pressão sobre o G

Está chegando a hora de " a onça beber água". O apedeuta e sua turma [que já pilharam o comando do município e agora querem a câmara também] estão num alvoroço só. Nas últimas horas que antecedem a eleição da nova mesa diretora da Câmara Municipal ninguém dorme mais. São reuniões de todas as espécies, telefonemas e mais telefonemas, recados e mais recados [quem conta é uma fonte fidedígna do blogger] e sabem para quem? Para os integrantes do G-5 que são os maiores objetos de desejo dos inquilinos do poder no momento.

Como a turminha tem apenas quatro "cumpanhêros", precisam da maioria simples para conquistarem também o comando do legislativo e permitir vida fácil para o comandante-em-chefe dos saqueadores do erário pelo menos para os próximos dois anos. As ofertas são generosas, tentadoras e o lance aumenta a cada recusa de um membro do G.

A hora da verdade será quinta feira, dia 1º de janeiro, quando começa a nova legislatura. Até lá muita água ainda vai rolar por baixo da ponte. Quem sobreviver verá.

As três coisas que só se faz uma vez na vida

O texto abaixo foi copiado do excelente blog paraense Espaço Aberto:

De um Anônimo, sobre a postagem Ana Júlia precisa de obra cintilante para chamar de sua:

"Tem três coisas que só acontecem uma vez na vida do ser humano: nascer, morrer e votar no PT e a Ana Jatobá é muito cara de pau, pois os ícones do seu desgoverno são: Hangar feito pelo Jatene, cheque-moradia feito pelo Jatene e etc, etc, etc... E ainda manda colocar outdoor no seu aniversário com fotos de quando tinha 15 anos de idade. Bem feito para quem votou nesse engodo. Ainda bem que só faltam 730 dias para acabar".

Uma poesia para Santa Luzia

Recebi por email uma poesia em homenagem à nossa querida cidade de Santa Luzia que publicarei logo em seguida.

O autor é um velho amigo do blogger, que por timidez pediu que sua identidade permanecesse no anonimato.

É um belo poema, mas tudo bem respeitarei sua vontade apenas publicando o poema.


Santa Luzia que te quero bem

Querida cidade morena
Tu és a mais bela cena
Que às margens da Pará-Maranhão
Repousas calma, linda e bela
Com um sorriso de donzela
E muito amor no coração
I
Terra de Manoel Gaia
Onde o Curí já foi praia
E o Canto da Terra festival
Hoje só temos a Festa das Flores
Tradição dos professores
Na terra do arraial
II
Primas muito pela religião
Em junho festejas São João
Em setembro Nossa Senhora de Nazaré
A querida Virgem Maria
Em dezembro Santa Luzia
Nosso maior símbolo de fé
III
Da bela morena tens a pureza
Dos teus campos toda a beleza
Do caboclo tens a força
Do teu povo o lindo sorriso
Tornando-te um paraíso
Santa Luzia cidade menina-moça
IV
Teus dias chuvosos de janeiro
Deixa o sol tímido e maneiro
Enchendo de romantismo e poesia
As ruas desertas e molhadas
Causando-nos saudades das noites estreladas
Do lindo céu de Santa Luzia
____________________________________________________________
N.E: Parabéns amigo pelo lindo poema. O blog está aberto para seus trabalhos e de qualquer outra pessoa que queira fazer uso desse espaço.

Santa Luzia do Pará não é mais a mesma

Definitivamente não. Nossa sempre pacata cidadezinha de interior onde os dias são longos e as noites parecem eternas por causa do tempo que insiste em não correr está ganhando ares dos grandes centros urbanos, mas nada do que possamos nos orgulhar.

Os tempos não são mais aqueles quando nossos pais sentavam-se nas calçadas para longas horas de bate papo com os vizinhos enquanto nós [crianças na época] corríamos nas ruas, subíamos em árvores ou andávamos de bicicleta com os amigos para lá e para cá. Definitivamente não. A modernidade e suas consequências já nos roubaram o sossego e a calmaria de outrora, ao ponto de não confiar-se mais em ninguém e passar a maioria do tempo escondido atrás das grades e pesados portões colocados em nossas casas para nos proteger de um inimigo cada vez mais assustador: a violência.

Pessoas abastadas não podem mais desfrutar de hábitos dos cidadãos comuns como viajar sozinhas, sentar-se à frente de sua residência ou até mesmo trabalhar em seus estabelecimentos por que estão sempre assustadas com a ideia de que a qualquer momento podem ser assaltadas não importando a hora do dia ou da noite, pois a delinquência sem a mínima preocupação em mostrar o rosto não escolhe mais horário para aterrorizar o cidadão luziense.

As várias faces da violência se apresenta não apenas na cidade, mas em todas as regiões do município e principalmente nas estradas por onde trafegam os incautos cidadãos cumpridores de seus deveres e pagadores de impostos. Acontece de tudo. Aqui serão citados apenas alguns casos que merecem mais destaque, mas são altíssimos os indices de criminalidade em Santa Luzia.

No início do mês o ex prefeito Mico foi atacado em uma emboscada na BR-316 quando retornava de Capanema e até agora não se tem nenhuma resposta para o atentado. Vários "motoqueiros" já tiveram seus veículos tomados de assaltos nos ramais das comunidades do Broca e da 12 incluindo-se aí um assalto seguido de homicídio até hoje não elucidado. E o mais recente acontecimento quando relatado muitos não acreditarão que aconteceu aqui na aparente tranquilidade da Cidade Morena.

Domingo último por volta das 08hs da manhã num daqueles dias preguiçosos que até o sol fica escondido, quatro elementos [incluindo um filho da terrinha oriundo de família conhecida] entraram no Mercadinho Central [de propriedade do Sr. Chico do Artur e família] fingindo-se de fregueses, anunciaram o assalto e renderam a filha do proprietário [sob a mira de uma pistola] que encontrava-se no caixa levando uma baixa quantia em dinheiro e alguns gêneros de pouco valor para em seguida fugirem dirigindo um Honda Civic 2009 na direção da divisa com o Maranhão.

Dessa vez a polícia deu uma resposta à altura, acionando as delegacias de Bragança, Vizeu e Cachoeira do Piriá. A ação foi rápida e bem sucedida. Conseguiram prender os bandidos ainda na estrada quando tentavam fugir por um vicinal próxima à comunidade do km 74 da Pará-Maranhão.

Todos foram presos e a polícia ainda descobriu que o veículo usado pelos assaltantes foi roubado em Belém na Avenida Governador José Malcher na sexta feira. Os quatro elementos encontram-se presos na delegacia de Santa Luzia aguardando ordens judiciais para serem transferidos para a Capital.

Essa era uma notícia que não gostaria de está escrevendo em pleno período natalino, mas infelizmente o "progresso" não anda sozinho e traz consigo todas as mazelas sociais que o acompanha.

Cartinha ao Papai Noel

Querido Papai Noel.

"Esta cartinha é só para lembrar-lo que não vale me enganar. O senhor me deu um diploma dia 16 e como um bom e respeitável velhinho de barbas e cabelos brancos tem que me dar a faixa dia primeiro de janeiro. Não dê ouvidos para os fuxiqueiros, o que eles têm muito é inveja de mim.

Ficam falando por aí que eu faço isso e aquilo, que comprei os índios, fiz não sei mais o quê para ganhar a eleição e que pisei na bola com o povo, mas é tudo mentira, tá? Essa, Papai Noel, é a maior mentira, pois como o senhor sabe sou craque em enrolação e tenho pé quente. Tudo que falam de mim é fofoca de quem por falta do que fazer fica jogando pimenta nos olhos dos outros.

O senhor sabe que eu sou bom menino. Olha lá, não me deixe sem aquela faixa que me dá direito a mais quatro anos de "mamação" nas tetas da vaquinha. Preciso muito dessa faixa, pois com ela posso fazer um bocado de boas ações, como ajudar aquele bando de puxa-saco e financiar aqueles parasitas de outros municípios até 2012. O senhor sabe como os "cumpanhêro" são unidos, né?"

Um abraço do Apedeuta.

Deputado Adamor Aires é indicado para a CPI da Pedofilia

O deputado Adamor Aires (PR/G-8) foi indicado para integrar a CPI da Pedofilia instalada semana passada na ALEPA [Assembleia Legislativa do Pará] que tem por objetivo apurar os casos de violência sexual cometidos contra menores nos sul do estado.

De início a Comissão Parlamentar de Inquérito tem um grande desafio. Investigar as denúncias de pedofilia contra um membro da própria casa, o deputado estadual Luiz Afonso Sefer (Dem/G-8) que está sendo acusado por uma menor de 13 anos que morava e trabalhava em sua residência desde os nove.

A denúncia [escrevi denúncia] está sendo investigada pelo Ministério Público e foi encaminhada pelo juiz da 1ª Vara da Infância e Juventude, José Maria Teixeira do Rosário depois de ouvir o depoimenmto da menina. Por se tratar de uma pessoa pública, o processo corre sob segredo de justiça.

O caso Sefer, vem sendo exaustivamente explorado pela imprensa e especialmente pela blogosfera paroara nos últimos dias.

I Festa do Peão de Rodeio de Santa Luzia [parte - 2]

D. Vera entrando na arena ao lado do locutor de rodeios, da Norte Country, Giovane Duarte e seu neto Osório Neto [Netinho] para abertura dos trabalhos.
Na segunda feira passada, 15/12, noite de encerramento da "I Festa do Peão de Rodeio" de Santa Luzia do Pará estive batendo um papo com os organizadores da mesma - D. Vera, Stênio e Tarcísio Rocha - que eram só sorrisos devido ao sucesso alcançado pelo evento. Dona Vera, a mais entusiasmada, afirmou ter se surpreendido com os números atingidos tanto em público quanto em renda, superando todas as expectativas.

Em meio a tanta euforia, a pecuarista me confidenciou que este ano foi apenas uma experiência e a realização de um sonho de muitos anos. Para os anos seguintes além de transformar a Festa do Peão de Rodeio uma tradição luziense ela pretende realizar paralelamente uma exposição [com direito a shows musicais] voltada para o agro negócio que é uma das principais atividades econômicas do município.

A satisfação era geral coordenação, patrocinadores e o público. A companhia de rodeio contratada é uma das mais profissionais do país com destaque para um de seus funcionários, o segundo locutor é filho natural de Santa Luzia o Rafael Filho conhecido por aqui como Rafaelsinho que juntamente com a companhia se comprometeu com D. Vera e a cidade em realizar a Festa do Peão de Rodeio anualmente nesse mesmo período [Festividade da padroeira Santa Luzia e aniversário do município] como forma de prestigiar sua terrinha.

A organização atribuiu o sucesso do evento à forte influência nordestina na população luziense [assim como D. Vera, Tarcísio e o blogger], que é formada basicamente por pessoas e descendentes vindos dessa região do país onde o a vaqueijada é um dos seus principais elementos culturais.

Assim como a organização, os patrocinadores também estavam muito satisfeitos com os resultados alcançados pelo evento, prometendo parceria para os próximos anos.

Carnaval

Fotos ilustrativas do abadá do bloco Beija Eu. CLique na foto para ampliar.
Tem bloco novo prontinho para estrear em 2009 na Cidade Morena.

Trata-se do bloco "Beija Eu" do Dj Judson e danceteria Beleza Pura Dance Club.

Aliás, o carnaval 2009 promete ser um dos melhores dos últimos anos. Tem gente grande disposto a promovê-lo juntamente com os blocos que fazem a festa todo ano.

Por que se depender da administração municipal... Ah, você sabe como será. Igual ao aniversário da cidade.

Algumas fotos da procissão de Santa Luzia

A Imagem Peregrina de Santa Luzia - nossa padroeira
A cavalaria acompanhando a romaria de Santa Luzia
Nenca - cavaleiro devoto de Santa Luzia
Os guardas de Santa Luzia
Vereador Franço e esposa acompanhando a romaria
A linda romaria de Santa Luzia
Romeiros seguindo Nossa Padroeira, destaque para a Lek
A linda procissão de Santa Luzia. Destaque para o ex vereador Everaldo
Lindalva também acompanhando a romaria de Santa Luzia
Todos unidos na mesma fé em Santa Luzia

"Santa Luzia protege meus olhos, para que eu veja um mundo bem melhor..."

O trem da alegria

Já começou o período chuvoso e com ele a velha falta de energia que tanto nos atormenta. É um absurdo faltar energia diariamente e com uma frequência de cinco à seis vezes, inclusive à noite, como agora há pouco.

Esse problema é tão velho que a maioria da população já nem estranha mais, mas os transtornos são enormes e a tal Rede Celpa que gasta milhões em marketing não está nem aí. Continua saqueando o pobre consumidor com tarifas exorbitantes juntamente com o governo do estado que cobra o maior ICMS do país sobre essa mesma tarifa, nada mais nada menos que 30%. Pasmem.

E agora a Rede Celpa e o governo estadual, ganharam mais um parceiro para meter a mão no bolso do povo: a administração municipal [juntamente com seus vereadores] que este mês aprovou na câmara um dispositivo que transfere para a população a conta da iluminação pública, ou seja o cidadão vai pagar a sua conta e da prefeitura, por que iluminação pública é dever e obrigação da administração municipal.

Aniversário da cidade

A festa [se é que aquilo pode ser chamado de festa] que a prefeitura municipal realizou no último dia 13 em homenagem ao 17º aniversário de emancipação de Santa Luzia resumiu-se em apresentações de "artistas da terra" e uma vasta propaganda de ações do governo [as mesmas de sempre, aquela meia dúzia de reformas] espalhadas em vários estandes e panfletões colados no palco e um bolo de 17 metros de comprimento doado pelas escolas não custando nenhum real da administração, quer dizer feito pelo povo para o povo.

Nada contra nossos artistas que são verdadeiros heróis, portanto merecedores de todo respeito. Agora, trombetear aos quatro ventos que aquele arremedo de micareta era uma festa em comemoração ao aniversário do município é no mínimo ridículo e querer brincar com o bom senso do povo que merecia uma programação que fizesse jus a data.

Se a intenção era mesmo prestigiar nossos talentos como afirmam, por que não resgatar o saudoso Canto da Terra que tem exatamente essa função? Em tempos de oposição os poderosos de hoje sabiam muito bem usar esse artifício para criticar as administrações da época e ainda fazer uma linda festa valorizando a produção cultural luziense.

O que não dá para entender é que recentemente na campanha gastaram verdadeiras fortunas contratando trios e aparelhagens de som para comícios e "vitória" [usurpada] mas para homenagear a cidade [e o povo] vêm com essa conversa fiada de que "devemos valorizar o que é nosso". Então por que não os valorizaram nos comícios milionários bancados com nosso pobre dinheirinho realizados semanalmente?

Ora, chega de demagogia e pensar que o povo é trouxa para ser enrolado com discursos fajutos que não convencem e muito menos justificam tanto descaso. Se realmente se importassem com a cidade [além do próprio bolso] teriam feito uma festa de verdade com bandas de renome na mídia paraense que custam muito menos que os trios. Afinal, Santa Luzia e o povo merecem mais respeito.

I Copa Nenem do Valdemar

Sábado passado, terminou a I Copa Nenem do Valdemar de futebol de campo numa final eletrizante disputada nos pênaltis entre as equipes União e Caeté.

O torneio teve patrocínio exclusivo do jovem empresário Edinaldo Lucena que ditribuiu R$ 5.000,00 na premiação entre o campeão Caeté e o vice União.

Edinaldo afirmou ao blog que pretende realizar esse torneio anualmente nesse mesmo período com a final sendo disputada sempre no dia 13 de dezembro [dia de Santa Luzia e aniversário da cidade] como forma de homenagear sua cidade natal e seu saudoso amigo que deu nome ao torneio, o desportista Nenem do valdemar que nos deixou ainda muito jovem.

Diplomação - em jogo a nova mesa diretora da Câmara Municpal

O G-5 [grupo formado pelos cinco vereadores de oposição] também foi diplomado ontem no cartório da 41ª zona eleitoral, na cidade de Ourém, à qual Santa Luzia pertence.

Composto pelos vereadores Franço (PR), Nando (PSB), Neguinho (PMDB), Socorro Saldanha (PR) e Tião Oliveira (PR) o G-5 tem a árdua tarefa de fazer oposição ao governo petista fiscalizando e contendo os excessos praticados pelo executivo que tem uma câmara "chapa branca" desde 2007 quando conseguiu seu controle com a eleição da atual presidência que age mais como uma extensão do palácio municipal apenas cumprindo ordens.

A primeira tarefa do G, é resistir ao assédio dos governistas que são minoria na nova legislatura e querem a todo custo fazer a mesa diretora para o biênio 2009/2010 com o claro objetivo de deixar o caminho livre para a administração aprovar projetos do seu interesse sem grandes interferências e fazendo o que bem entende no comando do município como nos últimos dois anos.

A tentação é grande porque os inquilinos do poder estão jogando alto com propostas verdadeiramente tentadoras aos membros do G-5 oferecendo benefícios financeiros sedutores além da garantia de um número considerável de empregos a serem negociados. A "noiva" da vez é o calouro Franço que, segundo fontes do blog, vem sendo o maior alvo das investidas da ala governista depois que o vereador Neguinho abandonou-lhes e foi vítima de perseguições a pretesto de que seria expulso do PMDB caso não voltasse ao ninho petista ao qual entrou em 2006 para apoiar a eleição da atual presidência.

O desespero é grande por que sem a direção da Câmara Municipal não poderão colocar em prática seus projetos mastozoários dos recursos públicos para o próximo quadriênio, por isso tentam comprar a peso de ouro o apoio de qualquer um dos membros do G-5, menos Tião Oliveira é claro, para eleger a nova direção da CMSLP.

O problema é que o apedeuta e sua turma são exímios descumpridores de acordos, como fizeram com os vereadores Neguinho e Socorro Saldanha que garantiram-lhes o comando da Câmara há dois anos sendo logo depois relegados a segundo plano e agora estão fora de qualquer acordo com esse pessoal avarento que só tem olho para o próprio umbigo, digo bolso.

É pagar pra ver. Essa novela ainda terá muitos capítulos até primeiro de janeiro quando será conhecida a nova mesa diretora, e tudo indica que ela ficará mesmo sob o comando do G-5 que é maioria.

O diploma da vergonha

As hienas corneteiras do PT amanheceram eufóricas estourando fogos de artifícios, jogando confetes e serpentinas nas ruas preparando o carnaval da diplomação do apedeuta que acontecerá hoje em meio à grande festa no picadeiro com direito a muita palhaçada. Esse diploma, na verdade é o título de reconhecimento de todas as táticas imorais usadas pelos inquilinos do poder nas últimas eleições para conseguirem seu criminoso objetivo sustentado à base da falsidade ideológica praticada pelos nativos [que de nativos não têm nada], o cerceamento do direito de escolha de alguns cidadãos e o uso da necrologia para sufragarem no pleito.

Essa diplomação chega a ser tão vergonhosa quanto imoral principalmente pelas circunstâncias que à cerca e os métodos usados pelos usurpadores do poder que se desnudaram de qualquer vestígio de escrúpulos para consegui-la açodando todos os princípios da legalidade democrática, por que para eles o que vale mesmo é o poder não importando os meios utilizados para tal fim.

Impor ao povo luziense mais quatro anos disso que está aí é de uma perversidade sem precedentes condenando o município à miopia da mesquinhez que persegue e maltrata sob a égide dos parasitas políticos que rastejam às botas do poder praticando suas maldades contra inocentes cidadãos que não comungam das ideias da nova burguesia que dita as regras da ditadura do terror.

Já que o continuísmo tapeia os princípios democráticos insistindo em permanecer para regozijo dos seus cardeais inebriados pelas maravilhas do poder, vale observar que eles já não têm mais argumentos para remendar o presente culpando o passado, até por que o PT já esgotou sua carência usando a tal herança maldita [que nunca passou de desculpas esfarrapadas] para justificar seus próprios desmandos abastecidos pela permissividade dos gastos públicos maqueados pelo populismo social que sempre foi bandeira do clientelismo e de captação eleitoreira nos rincões municipais.

Se abrigando mais uma temporada sob o teto dos fartos recursos públicos, já não combina mais a velha retórica de que "têm que arrumar a casa" para poderem trabalhar, pois já conhecem o caminho das pedras [ops! Do financiamento público.] e não adianta ficar chorando lágrimas de crocodilo de dia e nas trevas agir como os Irmãos Metralhas saqueando a Caixa Forte do Tio Patinhas.

Hoje o povo luziense está recebendo uma bofetada na cara pelas mãos traiçoeiras da trapaça e da desfaçatez que negaram-lhe o respeito a sua vontade expressa claramente e que foi calada por vias tortuosas garantindo a vitória "dos justos".

Perseverança...

Acabo de receber mais uma bela mensagem de autoria de Marcos Costa [enviada pelo mesmo] que sempre colabora com este blog enviando seus textos para serem postados neste espaço que é o ponto de encontro de todos os luzienses...

Marcos encontra-se na capital paroara cuidando da sua saúde e mesmo assim sempre encontra um tempinho para nos brindar com suas belas palavras.

Peçamos, todos, a DEUS pela saúde do nosso amigo para que seu retorno para nosso meio seja beve. Abaixo transcrevo, na íntegra, a mensagem de Marcos Costa [popular Marcos do Raul].

"Perseverar é sempre lutar e não desistir nunca
Perseverar é sempre seguir em frente sem culpa
Perseverar é conquistar a felicidade a cada dia
Subir o degrau da vida com maestria
Derrotar o desânimo e ser feliz
Quebrar a barreira do preconceito
Ser você mesmo com todos seus defeitos
Mostrar que tem qualidades
Demostrar fraternidade
Estar sempre pronto para servir
Mesmo que as pessoas te abandone
Mesmo que não tenham valor
Mesmo que não te amem mais
Continue amando-as e perdoando-as
Pois na vida só é feliz quem sabe perdoar
E amar de verdade.
Perseverá é tudo isso e muito mais para...
Sermos felizes temos que perseverá e não
Esquecer de perseverá na fé..."

Marcos Costa - psicólogo

Fala Macaxeira's!


Meu amigo Macaxeira's no comando da sua sempre lotada "Lanchonete Macaxeira's" que já se tornou o point mais frequentado pelos vip's da Cidade Morena...
Com seu bom humor e atendimento à base da descontração, Macaxeira's conquistou uma seleta clientela que não dispensa um bate papo nas calmas noites luzienses acompanhado de uma boa música e uma cervejinha bem gelada...

I Festa do Peão de Rodeio de Santa Luzia

Acabei de chegar da "I Festa do Peão de Rodeio" de Santa Luzia do Pará e confesso que está sendo uma das mais belas festas do mundo country que já vi na vida, e olha que já fui a muitas aqui e no Ceará. Dona Vera está de parabéns por organizar tão bem um evento desse porte, onde estão presentes grandes profissionais do eixo Norte/Nordeste não deixando nada a desejar para outras vaqueijadas da região.

A companhia de rodeio contratada é mineira e uma das mais respeitadas do meio sertanejo que sob o comando de seu locutor emociona todos os amantes desse esporte movido pela emoção ganhando um toque a mais com aquelas chamadas típicas do mundo caipira levando a loucura toda a plateia a cada apresentação no centro da arena.

Pelo prestígio do evento, com certeza estamos vendo nascer mais uma tradição na Cidade Morena. Em uma conversa rápida com Dona Vera, muito emocionada, me falou que pretende realizar a Festa do Peão todos os anos nessa mesma época [por ocasião da festividade de Santa Luzia] tornando-a uma tradição luziense.

Fazendeira e filha do mundo country, Dona Vera disse está realizando um sonho acalentado por muitos anos que com o apoio do empresariado local e alguns políticos conseguiu torná-lo realidade e com muito sucesso, diga-se de passagem.

O "mico da noite" ficou por conta do apedeuta que chamado ao centro da arena pelo locutor, para junto com a organização e os peões, fizesse a abertura dos trabalhos da noite foi ovacionado com um sonoro vaia vindo de todas as arque bancadas deixando-o constrangido. Esse episódio mostra o quanto é querido pelo povo luziense que ele traiu de maneira sórdida [com seu jeito pequeno de fazer política] para manter-se no poder

O povo não é besta e não engoliu a sacanagem feita sob as tenebrosas sombras das armadilhas orquestradas por pessoas nada sérias que usam o poder em benefício próprio desvirtuando o principio da legalidade ferindo letalmente o direito primordial de uma sociedade: a DEMOCRACIA.

É hoje


Hoje 12 de dezembro é dia de mais uma festividade da nossa padroeira, a querida virgem Santa Luzia. Neste ano de 2008 estamos comemorando a 51ª edição do nosso velho arraial que já embalou sonhos de várias gerações ao longo dessas cinco décadas conseguindo permanecer atual na sua principal função que é reunir a família luziense numa mesma corrente de fé e oração em homenagem à Santa Protetora dos Olhos.

Esta é a data que a Cidade Morena mais atrai os luzienses que habitam outras paragens. É dia de reencontrar os parentes, abraçar os velhos amigos que há muito não vemos e matar a saudade dos idos tempos da nossa juventude compartilhada com pessoas que nos marcaram na época em que a inocência ainda reinava em corações palpitantes que passeavam de mãos dadas [ou enturmados] na praça, davam voltas e mais voltas de roda gigante sempre acompanhados pela nostalgia das românticas noites luzienses embaladas por canções que davam o tom dos leilões da Barraca da Santa onde nossos pais "faziam a festa" em companhia dos amigos.

Nos últimos 17 anos o lado profano da festividade ganhou mais um motivo para festejarmos. É que coincidentemente no dia 13 de dezembro de 1991 o Congresso Nacional aprovou a Lei nº 5.688 que criou oficialmente o município de Santa Luzia do Pará convertendo o dia 13 em aniversário da cidade.

Portanto, hoje é dia de festejarmos duplamente e nos enchermos de orgulho pela nossa padroeira e pela nossa cidade que nos acolhem como filhos...
Boa festividade a todos os filhos desta terra. Que a Virgem Santa Luzia derrame todos nós vossas bençãos...

Da coluna "Reporter 70" de O Liberal - 11/12 de 2008

ENCONTRO

O ex-governador Simão Jatene e o deputado federal Jader Barbalho, aquele que dispensa apresentações, se encontraram (ou reencontraram?) ontem no gabinete do senador Flexa Ribeiro, do PSDB, em Brasília. Chegaram sorridentes e se reuniram a portas fechadas, depois de esperar por um deputado tucano. Aliança para 2010? Frente contra Ana Júlia? Não se sabe o que discutiram. Sabe-se apenas que uma filha do ex-governador Almir Gabriel, que estava no gabinete, saiu de lá arrasada e chorando.

Bastidores

Aliás, é intenso o trabalho dos deputados Jáder Barbalho e Paulo Rocha para impor uma derrota à governadora Ana Júlia na escolha da nova diretoria do Sebrae, prevista para o dia 18. Na disputa está em jogo um orçamento anual de R$ 42 milhões. Mais do que a derrota, a trama urdida pelos dois deputados, com participação do PSDB, também tem como alvo criar uma união para o futuro e uma cisão no governo, colocando contra a governadora outras tendências do PT.

Pressão

Para se ter uma idéia, Jáder tenta forçar as classes empresariais de Marabá e região a convencerem o prefeito Tião Miranda a desistir da sua candidatura à presidência do Sebrae, por indicação da governadora. Paulo Rocha vai atrás: tenta convencer o empresário Ítalo Pojucan, também indicado por Ana Júlia para a Superintendência do Sebrae, a se filiar ao PT pela sua tendência, a Unidade na Luta.

Apelo

Entre a cruz e a caldeirinha, como se diz, a governadora recebeu o atual presidente do Sebrae, Fernando Yamada, em breve reunião no CIG, na segunda-feira. Yamada foi pedir o apoio de Ana Júlia ao nome de José Conrado, atual presidente da Fiepa, para a sua vaga. Ana Júlia disse não, pois tem os dois como tucanos de coração.

Em nota conjunta, o PSDB, o DEM e o PPS rebateram às críticas do PT

Leia a nota:

"O PT esgotou seu prazo de carência para atribuir ao passado a culpa pelos efeitos da crise econômica. Depois de seis anos do Governo Lula, a legenda do oficialismo surpreende o País com uma dupla incongruência: se o Presidente oficializou a versão, evidentemente falsa, de que o Brasil não sofre os efeitos da crise econômica, como atribuir a onda de desemprego e de forte recesso das atividades produtivas ao "governo anterior"? Como governistas no poder podem culpar o "passado" por uma "realidade" que o seu Presidente nega peremptoriamente?

As manifestações petistas refletem o pânico que vivem em função das reações da população, por eles mesmos expostas detalhadamente na reunião de São Roque (SP). Reconhecem a crescente incapacidade do Governo para enfrentar a crise e indicam que escolheram um perigoso e débil álibi: queixam-se de um passado remoto - o qual denominam "governo anterior" - a que já tiveram tempo suficiente não apenas para superar, mas para revogar e denunciar seus atos, o que jamais fizeram.

Após seis anos de juros altos, de populismo cambial, de permissividade nos gastos públicos, de escândalos financeiros e corrupção disseminada e acobertada, o PT e o Governo Lula não apenas têm todas as culpas como, em vez de procurar bodes expiratórios remotos, mostram-se incapazes de apresentar à Nação um programa efetivo e transparente de ações do Estado brasileiro para enfrentar os reflexos do quadro de evidente calamidade para o qual caminha a economia mundial e que se agrava a cada dia.

Em vez de convocar as forças vivas da Nação, independentemente e acima das divisões partidárias, para a indispensável mobilização da sociedade, os petistas partem para provocações mesquinhas e facilmente desmoralizadas.

O Governo Lula já representa o próprio passado de que reclamam os petistas, que, portanto, atingem a si mesmos.

Brasília, 8 de dezembro de 2008

Rodrigo Maia (DEM-RJ), Sérgio Guerra (PSDB-PE) e Roberto Freire (PPS-PE)

Ex prefeito Mico sofre atentado à bala


Hoje por volta das 17 hs, quando retornava de Capanema para Santa Luzia, o ex prefeito Mico foi surpreendido por tiros de arma de grosso calibre contra seu carro na chegada da cidade numa emboscada armada para ele no km 45. Pelas circunstâncias do atentado e precisão do atirador em acertar o veículo, exatamente na posição do motorista, ficou claro que a intenção era mesmo matar o ex prefeito. Felizmente Mico saiu ileso do episódio, apenas com as marcas dos tiros e alguns projéteis que ficaram na lataria do automóvel.

Ainda não se tem um suspeito, nem pistas de quem praticou o atentado e tão pouco as motivações para o mesmo, mas especula-se a hipótese de crime político já que Mico e a família Oliveira têm muitos adversários acumulados na cidade ao longo de décadas de disputas eleitorais.

Por pertencer a uma família tradicionalmente política com grande atuação no nordeste paraense e ter ocupado a prefeitura de Santa Luzia Mico e sua família, em especial o seu irmão e deputado estadual Adamor Aires, despertam o ódio dos adversários que não se conformam com suas atuações no cenário político da região sendo vítimas de acusações de todas as espécies na tentativa de desestabilizá-los [politicamente] junto a população, mas nunca tinham sofrido algo semelhante.

Espera-se que as autoridades competentes sejam firmes na apuração do caso agindo com isenção, punindo os culpados e elucidando o ocorrido, pois a sociedade merece uma resposta [plausível] para tal barbaridade contra um homem público, mas antes de tudo um cidadão luziense.

O revanchismo já "dá as cartas" em Santa Luzia

Quem disse que promessas de campanha não se cumpre? Em Santa Luzia os usurpadores de poder são eficientes e já começaram a colocar em prática tudo o que foi prometido em campanha.

Quanta eficiência! - diria o incauto leitor.

Calma leitor amigo. Não são bem aquelas promessas mirabolantes de melhoria na saúde, na educação e outras mentiras que foram ouvidas nos discursos inflamados em cima dos palanques que agora foram esquecidos. Trata-se de promessas revanchistas proferidas no interior dos gabinetes, nas repartições municipais e no meio da rua em tom de ameaças contra pessoas que não se curvaram diante dos poderosos de então que usam a prefeitura para praticar o mal contra nosso povo.

Trata-se de atitudes mesquinhas, vis e repugnantes dos donos do poder que se intitulavam defensores da ética, da moralidade e das minorias oprimidas, mas na verdade implantaram a ditadura do medo perseguindo o trabalhador que não seguiu a estrela vermelha.

Vamos aos fatos:

O caso mais recente, que a maioria da cidade desconhece, é a perseguição [anunciada e declarada] contra os taxistas que precisam renovar sua licença junto à prefeitura para poderem exercer sua profissão, mas não conseguem somente por que votaram na oposição e, sem a renovação da licença não podem trabalhar para garantir o pão de cada dia da sua família, o leite das suas crianças e pagar o financiamento do seu veículo [seu instrumento de trabalho] conquistado às duras penas.

São vários os casos na cidade. É revoltante ver pais de família impedidos de trabalhar por caprichos de meia dúzia que se apossou da administração somente para favorecer-se e praticar o mal, principalmente se levarmos em consideração a ideologia de botequim pregada num tempo não muito distante quando se diziam praticantes do bem acusando a direita de revanchista e agora prejudicam da forma mais criminosa quem precisa trabalhar honestamente.

Todos tinham ciência que isso aconteceria se a situação continuasse no poder, por que durante a campanha, funcionários graduados do (des)governo bradavam, que quando vencessem, os adversários não teriam vida fácil e um desses burocratas caricatos ameçava abertamente os taxistas que participavam das carreatas do grupo Oliveira, fazendo gestos dando a entender que aquele taxista não renovaria sua licença de trabalho junto ao órgão municipal quando precisasse.

É inaceitável conviver com esses absurdos em pleno século XXI, e espanto maior é saber que os praticantes desse verdadeiro atentado contra o trabalhador é exatamente quem se intitula seu defensor.

Depois que a tal esquerda acostumou-se com o cheiro burocrático dos gabinetes, com o ar-condicionado das pik-ups top de linha e com o dinheiro fácil do município, o trabalhador passou a ser tratado apenas como massa de manobra [paga com as bolsas-esmolas] que serviu para conduzi-los aos palácios de onde perseguem, humilham e fazem o que bem entendem com o pobre trabalhador que deseja apenas exercer seu direito básico de cidadão: TRABALHAR.

Isso é apenas uma pequena amostra do que ainda vem por aí. O futuro é apocalipitico com choro e ranger de dentes dos adversários ameaçados com remanejamentos, transferências, demissões e etc...

Para finalizar: Quem é mesmo revanchista?

Mensagem de Pe Elias aos devotos de Santa Luzia

Caríssimos irmãos e irmãs!

Estamos preparando mais uma festa da nossa padroeira: A Virgem Mártir Santa Luzia. É nosso desejo que todos os luzienses: crianças, jovens, adultos e pessoas idosas se juntem no grande mutirão de preparação desta bela festa do povo de Deus, e que a festividade/2008 seja verdadeiramente um momento forte de exercício à comunhão e participação na comunidade, tendo Luzia como modelo de unidade e de vida na Eucaristia.

Neste ano em que celebramos a 51ª Festividade de Santa Luzia em nossa paróquia, queremos também de modo carinhoso relembrar nossos conterrâneos: filhos e filhas, que não mediram esforços para transformar esta bonita festa que ora celebramos, numa das mais belas festas da região, desde seu inicio até os dias atuais. Foram inúmeras pessoas que com afinco se dispuseram ao serviço e animação.

Por isto, celebrar a Festividade de Santa Luzia é se fazer discípulo e missionário de Jesus Cristo, nosso Mestre e Senhor. Nesta oportunidade agradecemos a todos os devotos que de modo generoso colaboram para a realização desta manifestação de carinho a nossa padroeira fazendo suas doações. Agradecemos também a todos os voluntários que estão empenhados nos trabalhos pastorais e movimentos, de modo que neste tempo de espera possamos juntos aguardar a chegada do Senhor Jesus com alegria e esperança, e que Nossa Senhora nos auxilie nesta caminhada, que a exemplo de santa Luzia possamos dizer com ardor missionário de cristãos autênticos: "Adoro a um só Deus verdadeiro e a Ele prometi Amor e Fidelidade".

Desde já vos desejo boas festas, um natal de alegria e paz e um ano novo cheio de amor e esperança.

Pe Raimundo Elias de Souza
(Pároco de Santa Luzia do Pará)

Programação religiosa da Festividade de Santa Luzia

Festividade de Santa Luzia - de 4 a 13 de dezembro de 2008
Diocese de Bragança
Paróquia de Santa Luzia - Santa Luzia do Pará

"Adoro a um só Deus verdadeiro, e a ele prometi o amor e fidelidade"

(Santa Luzia)
Programação
Dia 04/12 - Tema: "Santa Luzia ensina-nos a amar a Deus sobre todas as coisas".
19:30 h - Abertura oficial da Festividade com a Santa Missa
Responsáveis: catequese, setor "A" e diretoria da festividade
Animação: grupo Santa Luzia
Celebrante: Pe João Ribeiro
Dia 05/12 - Tema: "Santa Luzia ensina-nos, a sermos discípulos fiéis do Senhor".
04:45 h - 1ª caminhada com saída da Igreja Matriz para local combinado
Responsáveis: Apostolado da Oração, setor "B"
Animação: Coral de Jesus
Celebrante: Pe Nelson
Dia 06/12 - Tema: "Santa Luzia ensina-nos a ser missionários da Igreja".
04:45 h - 2ª caminhada com saída da Igreja Matriz para local combinado
Responsáveis: Pastoral da Criança e setor "C"
Animação: grupo Renovação
Celebrante: Pe Elias
16:30 h - Procissão das crianças saindo da Igreja de São Francisco
Responsáveis: Pastoral da Criança e grupo das crianças
19:30 h - Missa na Igreja Matriz
08/12 - Tema: "Santa Luzia ensina-nos a amar Maria como nossa Mãe".
04:45 h - 3ª caminhada com saída da Igreja Matriz para local combinado
Responsáveis: Amol e setor "D"
Animação: grupo Santa Luzia
Celebrante: Pe Lucivaldo
19:30 h - Missa na Igrja Matriz
Celebrante: Pe Manoel Filho
Dia 09/12 - Tema: "Santa Luzia ensina-nos a dar a Deus o que é de Deus".
04:45 h - 4ª caminhada com saída da Igreja Matriz para local combinado
Responsáveis: Pastoral do Dízimo e setor "E"
Animação: grupo Shalon
Celebrante: Pe Manoel Lopes
Dia 10/12 - "Tema: Santa Luzia ensina nossas famílias a viver o amor, no carinho, no diálogo, na felicidade e no perdão".
04:45 h - 5ª caminhada com saída da Igreja Matriz para local combinado
Responsáveis: equipe do batismo, guardas paroquiais, e setores "F" e "H"
Animação: grupo Renovação
Celebrante: Pe Walter Luz
Dia 11/12 - Tema: "Santa Luzia ensina os jovens a serem generosos ao chamado de Deus".
04:45 h - 6ª caminhada com saída da Igrja Matriz para local combinado
Responsáveis: Infância Missionária e setores "I" e "J"
Animação: grupo Santa Luzia
Celebrante: Pe Valdecir
19:00 h - Caminhada da Juventude
Responsáveis: crismandos e Irmã Nazaré
Animação: grupo Santa Cecília
Dia 12/12
07:00 - Romaria dos Estudantes
Responsáveis: Escolas Florentina, João Gomes e São José
Animação: grupo Santa Cecília
15:00 h - batizados na Igreja Matriz
16:30 h - Carreata de Santa Luzia
19:30 h - Missa na Igreja Matriz
Respnsáveis: Lúcia Guedes, Gelcimar e Ceiça
Animação: grupo Shalon (missa) e grupo Renovação (procissão)
Dia 13/12 -Tema: "Adoro a um só Deus Verdadeiro, e a Ele prometi amor e fidelidade".
06:30 h - Romaria de Santa Luzia
Responsáveis: Keila e Marcio (comentaristas), Dayana, Eligiane, profª. Betânia, Nilza e Valdilene
Animação: grupo Shalon (procissão) e grupo Santa Cecília (missa)

Salve o Tricolor Paulista. O campeão dos campeões...

Com o coração quase explodindo de tanta felicidade, estou aqui parabenizando o time da minha paixão. Agora sim, o São Paulo é o clube mais vencedor do Brasil. Somos hexa e não dividimos essa conquista com ninguém ela é inédita e nossa. Mais ainda, somos tri consecutivamente.

Dá-lhe SÃO PAULO...

Hexa Único: O São Paulo consagra-se como o time mais vitorioso do Brasil ao conquistar o Hexa e o tricampeonato seguido, inéditos no Campeonato Brasileiro.
Muricy: Parabéns ao Muricy, o maior responsável pelo título. Quando tudo parecia perdido ele soube montar o time e dar gás para que o SPFC chegasse ao hexa.
Polêmica: Durante a semana vários fatos surgiram em torno do jogo para tentar desestabilizar o tricolor. Mesmo com tudo isso, o SP se superou e conseguiu a vitória diante do Goiás e o hexa campeonato.
CBF e FPF: Em uma lambança de ambas, criaram um factóide e trocaram o árbitro às vésperas da partida final.
Vasco: É triste ver um grande time cair para a série B. Sua queda foi merecida.

A difícil vida da esquerda

Lendo alguns blogs [leio todos que conheço e ainda procuro alguns por assuntos] eis que encontro alguns de elementos pertencentes ao partido dos “cumpanhêro”. Observei que a maioria das postagens desses blogs são queixas contra tudo e contra todos, principalmente da mídia da qual os “coitados são vítimas de perseguições”. Aí não me contive depois de ler aqueles argumentos mais do que batidos usados para enrolar povo com ideologias baratas.

Às vezes, gostaria de isentar-me dos comentários sobre política. Porém, minha índole não permite e acabo incorrendo no vício de opinar sobre assuntos que não concordo. Principalmente quando se trata do PT.

É gritante a mania de inferioridade, perseguido e vítima da história que tem o PT, achando-se o dono da verdade, o guardião-mor da ética e da moralidade enquanto até as pedras sabem que o fisiologismo já se instalou na espinha dorsal desse partido que de esquerda não tem mais nada, sendo tão corrupto quanto seus co-irmãos, os quais faz questão de atacá-los como se fosse diferente deles.

Ora, o petismo não tem substância moral para criticar quem quer que seja. Muito menos requisitar para si o título de sério, detentor do moralismo. Suas entranhas estão achacadas pelo câncer da corrupção tanto quanto seus parceiros nada recomendáveis como Jáder Barbalho, José Sarney, Renan Calheiros e uma penca deles que se forem citados aqui arrepiará de medo o incauto leitor que se atrever a pronunciar seus nomes.

Os ideais socialistas já viraram obsoleto. Caíram junto com o muro de Berlim e o comunismo do Leste Europeu resistindo somente na falida Cuba onde um moribundo carnificina insiste na sua insanidade em reprimir o povo daquele país castigando com o fuzilamento quem se opõe ao seu regime facínora.

Absurdo maior é saber que pessoas defendem e admiram, como o próprio Lula, esse regime sanguinário com justificativas de que lá eles (os pobres e famintos cubanos) têm o melhor sistema de saúde coisa e tal. Mas e a liberdade? Um povo sem liberdade não é nação. Não há bem maior que o direito à vida e a liberdade do ser humano, bens negados ao povo cubano.

Às vezes fico imaginando o que leva alguém a ter Fidel e Chavez (ditador venezuelano) como ídolos, os maiores inimigos da liberdade humana onde em seus países a única lei que prevalece é a força em nome de um regime ultrapassado que só é bom mesmo para eles, os DITADORES.

A associação com Fidel, Chavez e as Farcs é a credencial da esquerda brasileira, em especial do mensaleiro PT, que se acha vítima do capitalismo que o conduziu ao poder. A ideia de defensor das minorias nada mais é que uma estratégia arrecadadora de votos dos pobres vitimados pelo sistema que eles tanto criticam mas nada fizeram para equilibrá-lo a não ser criando as bolsas-esmolas que não passam de puro assistencialismo [clientelismo] com finalidades eleitoreiras.

Portanto petistas, sejam realistas. Assumam que o socialismo não cabe mais no mundo globalizado de hoje. Parem com essa de criticar a Rede Globo, a Revista Veja o jornal O Estado de São Paulo e a mídia em geral que nada mais são do que a imprensa fazendo seu trabalho. Se acham esses veículos tendenciosos façam como o amiguinho de vocês o tal Chavez, mandem fechar as emissoras independentes de televisão colocando no ar uma "chapa-branca" que só transmite programas do governo e as falácias do ditador bolivariano.

De vítima, vocês não têm nada. O povo não engole mais as bravatas que serviram de escada para os palácios que agora os ocupam esquecendo-se da ideologia [impregnada de ideais socialistas alicerçado nos manuais de guerrilha] que vomitavam às enxurradas para ludibriar o ingênuo povo brasileiro.

Festividade

Ontem à noite numa missa solene na Igreja Matriz Pe Elias abriu oficialmente a Festividade de Santa Luzia - 2008 que se estenderá até o dia 13 deste mês com a realização da grande romaria de Santa Luzia.

Hoje às 04 h e 30 min depois da alvorada e da queima de fogos foi realizada a 1ª caminhada da série que se estenderá até a véspera da festividade.


Do blog Espaço Aberto:

Lambanças do governo Ana Júlia assustam petistas

Petistas de várias tendências ainda não se recompuseram do espanto que lhes causaram a desarticulação, o desnorteio, a desorientação e as atitudes erráticas do governo Ana Júlia Carepa durante o episódio que desaguou na capitulação, pura e completa, do Palácio dos Despachos ao aliado Jader Barbalho e seu PMDB, na eleição da nova Mesa da Assembléia Legislativa do Estado.

Vários segmentos do PT concordam que a governadora estava certa na intenção, mas falhou da forma mais desbragada possível na ação.

A governadora - acham esses petistas ainda não recompostos do espanto que Ana Júlia lhes causou – estava certa quando procurou agir para evitar que PMDB e PSDB lançassem mão da Mesa da Assembléia como linha de frente para contrapor-se ao PT num biênio como 2009-2010, que terá como culminância a eleição para o governo do Estado.

Mas os caminhos escolhidos, os procedimentos adotados e os expedientes postos em prática para concretizar a intenção é que revelaram um amadorismo atroz, tanto por parte da própria governadora – que já não é nenhuma criancinha em política -, como da entourage que a cerca, sobretudo os doutores que lhe são mais próximos, como Sua Excelência o condestável Cláudio Puty, chefe da Casa Civil, e os irmãos Maurílio e Marcílio Monteiro, conselheiros da governadora e detentores de incríveis poderes que mesmo os mais próximos Ana Júlia não são capazes de avaliar.

Eleição da mesa diretora da Assembléia Legislativa do Estado do Pará

Fiz alguns comentários sobre a eleição da mesa diretora da ALEPA [da qual o deputado luziense Adamor Aires (PR-G8) faz parte como 2º vice presidente] que fez a governadora Ana Júlia (PT) passar por um dos maiores vexames políticos da sua administração depois de protagonizar um papelão tentando impor ao legislativo estadual a candidatura do deputado Martinho Carmona (PMDB) para bater chapa com Domingos Juvenil também do PMDB [candidato de Jader e de consenso da oposição e G-8].

Ana Júlia juntamente com seus comandados, destaque para o todo poderoso Chefe da Casa Civil Claudio Puty, depois de verem invibializada a candidatura de Carmona tiveram que se curvar diante do poderoso Jader Barbalho o comandante de todas as negociações que ungiu seu preferido para mais dois anos no comando da ALEPA e de quebra se aproximando do PSDB de Jatene desenhando um provável cenário para 2010 com Ana fora do jogo.

Para saber de detalhes completos dos bastidores e da atual situação política de Ana basta acessar o excelente blog do jornalista paraense Augusto Barata.

Eleição da ALEPA

Depois de fincar o pé contra a presença do PSDB na chapa de Juvenil e tentar lançar a candidatura de Martinho Carmona para a presidência da Assembleia Legislativa, Ana Júlia reconhece que essa atitude causaria-lhe prejuízos políticos sem precedentes recua e se rende ao poderio de Jader e do PMDB.

A única coisa que ela conseguiu foi barrar Ítalo Mácola (PSDB) na 1ª vice-presidência. O resto foram apenas bravatas de quem brinca de governar, não tem voz de comando sobre seu próprio partido nem transito na oposição e é refém de uma base aliada que só pensa em poder.

Com 39 votos a favor e um em branco (muito provavelmente o do deputado Martinho Carmona, do PMDB), o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Pará, deputado Domingos Juvenil (PMDB), foi reeleito para o biênio 2009-2010.

Martinho Carmona, que dormiu ontem candidato da governadora Ana Júlia (PT) à presidência do Legislativo, viu seu sonho ruir.

O deputado André Dias (PSDB) está de licença médica e não participou da votação.

Ficou assim a nova Mesa Diretora da Assembléia Legislativa do Estado do Pará:

Presidente - Domingos Juvenil (PMDB):

1° vice-presidente - João Salame (PPS-G8);

2º vice-presidente - Ítalo Mácola (PSDB);

1º secretário - Miriquinho Batista (PT);

2º secretário - Adamor Aires (PR-G8);

3º secretário - Haroldo Martins (DEM);

4º secretário - Deley Santos (PV).

Na eleição dos vices-presidentes e dos secretários, o placar foi de 38 votos a favor e dois votos em branco.

Pegando fogo

A blogosfera paraense está agitadíssima desde o fim da tarde desta segunda feira por conta da eleição da mesa diretora da Assembleia Legislativa que nesse período pós eleitoral dominou todos os debates políticos no estado.

O que já era dado como pronto e acabado [a reeleição do deputado Domingos Juvenil (PMDB) com apoio da governadora, da oposição e do G-8] parece que desandou por conta de divergências na composição da chapa (única) que inclui o PSDB na vice presidência desagradando Ana Júlia que agora ressuscitou a candidatura de Martinho Carmona também do PMDB com o apoio do PTB de Duciomar Costa, prefeito de Belém, que ficou ressentido por ter sido excluído da chapa de Juvenil.

A eleição é amanhã e promete muitas emoções.

Mas como em política tudo é possível e a noite é longa, caciques de todas as colorações terão inúmeras reuniões e acertos a fazer. O resultado de tudo isso com certeza será um rascunho para 2010 determinando as posições de Jáder (PMDB), Ana Júlia (PT) e Jatene (PSDB).

Pelo que parece teremos um novo cenário para as próximas eleições majoritárias que já começou a ser construído agora confirmando todas as previsões de blogueiros e fofoqueiros políticos.