Coloque a sua foto aqui: seja um seguidor do Santa Luzia Online

Morre em acidente de avião o deputado estadual Alessandro Novelino

O helicóptero do deputado Alessandro Novelino [PMN] pousando no campo de futebol de Santa Luzia, causando o maior frisson na população curiosa
Aqui o deputado Alessandro Novelino na companhia do amigo Edinaldo Lucena, em visita a Santa Luzia ano passado

O deputado Alessandro Novelino tomando café com pupunha na casa do seu Manoel Pinto na comapnhia do Cid e do Edinaldo Lucena

O deputado estadual Alessandro Novelino [PMN], dono e herdeiro de uma das maiores fortunas do estado do Pará, que cumpria o terceiro mandato parlamentar, faleceu na manhã de hoje em um acidente com o seu avião particular, um bimotor modelo sêneca de prefixo PT -LAB quando voava para uma das fazendas da Família Novelino no nordeste do estado.

O Seripa [Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos] registrou na manhã de hoje o desaparecimento de um avião bimotor: segundo informações do órgão, a aeronave modelo Seneca teria saído do aeroporto Brigadeiro Protásio de Oliveira [Aeroclube do Pará], em Belém, pela manhã.

Ainda de acordo com o Seripa três pessoas estariam na aeronave, o piloto e mais dois passageiros, o deputado Alessandro Novelino e seu assessor parlamentar. A informação foi confirmada pelo advogado da família, Antônio Neto. Oficiais passaram toda à manhã para identificar a localidade em que o avião perdeu o contato com a torre de comando e o pai do parlamentar, o empresário e pecuarista Ubiratan Novelino, saiu de Belém em seu helicóptero particular realizando o mesmo trajeto da aeronave para tentar encontrá-la. Após o meio dia a aeronave foi localizada próximo a Alça Viária totalmente dertoçada no município de Acará, o acidente ocorreu após o avião ter chocado-se com uma torre de transmissão Eletronorte na Alça Viária, equipes de resgate já se deslocaram para o local que é de difícil acesso.

Não há nenhuma chance de encontrar sobreviventes, confirmando, portanto, a morte do deputado Alessandro Novelino.