Recursos do financiamento para a construção da fábrica de suco de laranja em Capitão Poço já começaram a ser liberados

Começaram a ser liberadas as parcelas do FNO, linha de crédito do Banco da Amazônia, para a Citropar colocar em funcionamento a fábrica de suco, em Capitão Poço. Já foram liberados 4 milhões de reais de um total de 16 milhões. Se não forem aceleradas as liberações, a safra da laranja deste ano novamente será vendida in natura para São Paulo.

Comentários