WHAT'S NEW?
Loading...

Motoqueiro enfurecido resgata moto apreendida pelo Detran e foge sem deixar vestígio, em Capanema

Aconteceu um fato inusitado na tarde desta segunda-feira, em Capanema: um motoqueiro ainda não identificado que teve sua moto apreendida por uma blitz do Detran no centro da cidade aproveitou um momento de distração dos agentes para resgatar o veículo.

Acompanhado de dois amigos o rapaz ameaçou o motorista e retirou a motocicleta de cima do caminhão-reboque que já se encaminhava para o pátio do Detran, o popular "curral". Tudo aconteceu quando o Detran e a Polícia Militar finalizavam os procedimentos do dia. Um ocorrência foi registrada na delegacia da Polícia Civil.

Em tempo

O final de semana dos luzienses foi abençoada por Nossa Senhora de Nazaré que recebeu homenagens de milhares de fiéis em uma grande romaria pelas ruas da City durante a realização do oitavo Círio dedicado à "Rainha da Amazônia" na manhã de ontem, domingo, 08.


Foto: Profº. Jorginho

A convite do prefeito Adamor Aires estiveram em Santa Luzia durante a festividade do Círio os deputados estaduais Márcio Miranda [Dem], presidente da Assembleia Legislativa, e Cássio Andrade [PSB] juntamente com o prefeito de Santa Maria do Pará, Lucivaldo Melo [PR]. Ciceroneados pelo prefeito Adamor os convidados participaram do tradicional almoço do Círio e trataram de agenda política de interesse do município, entre eles, a construção de uma feira de alimentação coberta, com recursos fruto de emenda parlamentar do deputado Cássio Andrade, construção do Hospital Municipal e a aquisição de 8 km de asfalto, com recursos financeiros oriundos de emenda parlamentar do deputado Márcio Miranda. Os deputados se comprometeram a atender as demandas do prefeito e assinaram um protocolo de trabalho em prol do desenvolvimento de Santa Luzia do Pará.


Fotos: Profº. Jorginho


O trabalho do prefeito Adamor Aires e sua competente equipe de governo é intenso e incansável em prol do povo luziense. No apagar das luzes do mês de agosto o prefeito inaugurou as dez primeiras casas populares do programa "Minha Casa Minha Vida", de um total de 40 unidades, e entregou à população a UBS [Unidade Básica de Saúde], antigo Sespa, totalmente reformada e equipada com a capacidade ambulatorial ampliada para o atendimento de baixa e média complexidades.


Prefeito Adamor Aires e sua equipe de governo entregando as dez primeiras casas populares do programa "Minha Casa Minha Vida"

Inauguração da "nova" UBS, totalmente ampliada e reformada

Ao longo da semana passada todas as escolas do município desenvolveram atividades esportivas em alusão às comemorações da "Semana da Pátria" por ocasião da data comemorativa da Independência do Brasil, 07 de setembro.

A propósito da Semana da Pátria, a comunidade do Km 18 é a única do município que ainda preserva o velho hábito de promover o desfile de 07 de setembro.


Foto: Dinho Oliveira

Desde a semana passada que o "Sinal de Qualidade" da operadora Vivo, da qual os luzienses são reféns e não clientes e que nunca foi dos melhores, está pior: acessar a internet nem pensar, enviar torpedos exige muita paciência e completar ligações é tarefa praticamente impossível.

Na semana passada, no período de 04 a 06, o comércio varejista de Capanema realizou a décima sétima edição da tradicional promoção "Liquida Geral", popularmente denominado como "queimão". Diferente de outros anos os luzienses não se entusiasmaram muito e poucos resolveram ir às compras por que desconfiam daquilo que muitos já sabem: a vigarice de muitos lojistas que aumentam os preços alguns dias antes para baixá-los às vésperas da promoção dando a impressão de que realmente baratearam ou colocando à venda somente produtos encalhados que não conseguiram vender ao longo do ano, colocando em risco a credibilidade do evento.

A propósito, comerciantes de Capanema que mantém a tradição da promoção Liquida Geral, reclamaram que a Sefa [Secretaria de Estado da Fazenda] enviou fiscais para a cidade afim de exigir procedimentos nada recomendados para o momento, segundo os empresários. Líderes da classe empresarial disseram que esperavam a presença dos fiscais antes do início da promoção para orientar os lojistas visando o bom andamento do evento.

Alô baladeiros de plantão, o próximo final de semana promete: na quinta-feira show do Rei Toca do Vale na Exposição de Castanhal, na sexta show do Super Pop no Club da Piscina [IV Festa da Equipes de Santa Luzia] e no sábado a III Seresta da Independência aqui em Santa Luzia, que embalou multidões nas duas primeiras edições.

Merenda Escolar de qualidade tem sido uma das muitas marcas do "Governo Adamor Aires": a era das sopas de letrinhas insípidas e dos mingaus de massa amarela, que estavam mais para alimento suíno, dos petistas é coisa do passado. Agora nas escolas de todo o município o cardápio inclui carne bovina, frango, frutas, verduras e uma série de alimentos saudáveis adquiridos com fornecedores da região e preparados por uma equipe de profissionais treinados e acompanhados de perto pelo Departamento Municipal de Nutrição.

A 13ª edição do Rock in Rio - o maior festival de música do mundo - começa na próxima sexta-feira, 13, e já tem luziense amante do bom e velho rock de mala e cuia prontas para desembarcar na Cidade Maravilhosa como faz há algum tempo. Serão sete dias embalados pelos acordes das bandas mais famosas do planeta reunidas na Cidade do Rock, em pleno Rio de Janeiro.

Aporte financeiro para os estados

Abaixo um recorte da edição de hoje da coluna do jornalista Cláudio Humberto:


Presidente do grupo Revemar falece em Goiânia

O empresário José Francisco Diamantino, de Marabá, [um dos dez empreendedores mais bem sucedidos do Parápresidente do grupo Revemar, faleceu neste sábado [07], em Goiânia. Ele sofreu um AVC [Acidente Vascular Cerebral] e seguia internado desde a quinta-feira [05].
Um voo do empresário, que inicialmente seguiria para São Paulo, onde receberia tratamento, teve que realizar uma parada de emergência em Goiânia, já que os médicos que acompanhavam o caso consideraram que o estado de saúde dele se agravou. Apesar dos procedimentos médicos, o empresário não resistiu e veio a óbito.
O grupo Revemar tem sede em Marabá e em 2012 faturou R$ 1,3 bilhão com várias concessionárias em Belém e no interior do estado.

Candidatos do PT rejeitam os Barbalho



Dos cinco candidatos à Presidência do PT [Partido dos Trabalhadores] que participaram de um debate com dirigentes e militantes do partido no Hotel Sagres, ontem à noite em Belém, quatro defenderam o rompimento do PT com o PMDB em todos os níveis nas eleições do ano que vem. Ao se pronunciar, o candidato Renato Simões chegou a enfatizar: "O PT do Pará não pode saber por um jornal que terá que engolir os Barbalhos". Ele também defendeu candidatura própria do PT do Pará ao Governo do Estado e não um candidato com "sobrenome Barbalho". Também posicionaram-se contra coligação com o PMDB os candidatos Paulo Teixeira, Markus Sokol e Valter Pomar. O candidato Rui Falcão, atual presidente nacional do PT, não se manifestou sobre essa coligação. O sexto candidato, Serge Goulart, não veio a Belém.

Presidente estadual do PT, João Batista, destacou que somente em dezembro o partido debaterá o programa de governo e outros temas de campanha, entre os quais a decisão final sobre coligar ou não com o PMDB no Estado. Mas, o posicionamento de quatro dos cinco candidatos ontem em Belém terá peso particular nessa definição de dirigentes e militantes.

O debate reuniu lideranças do PT no Pará como a ex-governadora Ana Júlia Carepa, deputados estaduais e candidatos à presidência do Diretório estadual: deputados federais Cláudio Puty e Zé Geraldo, deputado estadual Milton Zimmer, Marcos Oliveira e Bira Barbosa. Os candidatos aos diretórios municipais e distritais podem se inscrever até 11 deste mês.

Luziense é preso acusado de praticar "saidinha bancária" em Capanema

Acusado de praticar assaltos de "saidinha bancária", Manoel Júnior da Silva Bezerra, 28 anos, vulgo "Júnior do Cartório", foi preso na última quarta-feira [04] no município de Santa Luzia do Pará, localizado no nordeste paraense.
Júnior teve a prisão decretada depois de uma investigação da PC [Polícia Civil] que levou até o acusado. Em 30 de abril deste ano, ele participou de um assalto a donos de uma distribuidora de bebidas na cidade de Capanema, quando um dos sócios saía do banco depois de ter sacado uma quantia em dinheiro.
Os dois empresários foram seguidos por Júnior e um comparsa, que estavam em uma motocicleta, e rendidos com armas de fogo ao chegarem na empresa.
Júnior foi encaminhado para a delegacia de Capanema, onde ficará preso à disposição da justiça.
Nota: Reportagem copiada [clique aqui] da página do portal DOL - Diário do Pará Online.

Enem 2013 - guia para redação está na internet

O guia com orientações sobre a redação do Enem [Exame Nacional do Ensino Médio] deste ano foi divulgado ontem pelo Mec [Ministério da Educação]. Com dicas para que os estudantes saibam como fazer uma boa redação, o guia explica os critérios de correção e inclui comentários sobre textos que obtiveram a nota máxima no exame do ano passado. 
O guia está disponível na internet [www.inep.gov.br] e este ano não será distribuído na versão impressa para as escolas públicas, como ocorreu em 2012.
Cada uma das cinco competências avaliadas na correção das redações está explicada no guia. Entre os itens que compõem o material estão os motivos que podem resultar em nota zero, como a fuga total ao tema e a inserção de temas indevidos. Na redação, os estudantes não estão obrigados a adotar as regras propostas pelo novo acordo ortográfico.
O número de corretores para a redação do Enem 2013 foi ampliado de 8.400 para 9.500. Os candidatos devem receber os cartões com os locais da prova do fim deste mês até o início de outubro. 
O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, alerta os estudantes para que façam o percurso de casa até o local da prova antes da data da aplicação do exame e fiquem atentos ao horário. As provas do Enem ocorrerão nos dias 26 e 27 de outubro.

Exposição de Castanhal começa amanhã - confira a aprogramação


Davi Peixoto assume interinamente a prefeitura de Capanema

O município de Capanema está sob o comando do vice-prefeito Davi Peixoto [PSDB] desde a última segunda-feira, 02, por conta de uma licença médica solicitada pelo titular do cargo, o prefeito Eslon Martins [PR].

Davi Peixoto fica interinamente na prefeitura até a próxima segunda-feira, 09.

Preso suspeito de realizar "saidinha bancária" em Capanema

Homem de 28 anos foi capturado em Santa Luzia do Pará nesta quarta, 04. Ele foi identificado por testemunhas como autor de crimes em Capanema.

Do portal G1-Pará

Um suspeito de 28 anos identificado apenas como "Júnior do Cartório" foi preso nesta quarta-feira [04], em Santa Luzia do Pará, no nordeste paraense, suspeito de praticar assaltos na modalidade conhecida como "saidinha bancária" em Capanema. A prisão foi resultado de investigações que levaram à decretação de mandado judicial de prisão.

O suspeito foi conduzido ao município de Capanema, onde está recolhido à disposição da Justiça. Em 30 de abril deste ano, ele participou de um assalto em que foram vítimas dois sócios de uma distribuidora de bebidas na cidade. Na ocasião, um deles, que fora até a agência do Banco do Brasil para sacar uma quantia em dinheiro, teve o dinheiro roubado.

Testemunhas presenciaram o momento em que o homem e um comparsa entraram na agência bancária e passaram a acompanhar a vítima. Após o empresário ter entrado no carro do sócio, os dois foram seguidos pelos bandidos, que os abordaram com armas de fogo em punho no momento em que chegaram à empresa. Os criminosos usavam uma motocicleta.

Após investigação, a Polícia Civil identificou o suspeito e representou pela prisão preventiva dele, o que foi deferido pelo juízo da Comarca de Capanema. O delegado Herbert Renan alerta aos comerciantes e outras pessoas que necessitem sacar valores elevados em agências bancárias que não criem uma rotina que possa ser estudada por assaltantes.

Nota: Leia a reportagem na página do portal G1-Pará clicando aqui.

Vereador Pedro Abrão e seu filho foram vítimas de sequestro relâmpago em Capanema


Na madrugada desta quinta-feira [05/09], o Presidente da Câmara de Capanema, vereador Pedro Abraão [PSDB], e seu filho, Pedro Afonso [este, amigo pessoal do signatário do blog], foram sequestrados de dentro da residência da família, localizada no centro da cidade.

Segundo informações, pai e filho foram levados no  veículo do próprio vereador, uma Hilux Branca de placa OKL 2720. Após entrar em contato com a família, os bandidos pediram para não envolver a  polícia no caso, mas a PM já havia sido acionada e realizava buscas nos arredores de Capanema e região. A tensão tomou conta da cidade até por volta da meia-noite quando chegou a informação de que as vítimas tinham sido liberadas em um ramal próximo. Os assaltantes fugiram levando o carro do vereador. Dr. Abrão, pai do vereador, acompanhou tudo de perto e informou que nenhum valor foi pago aos bandidos.

Municípios paraenses contemplados com médicos cubanos do programa "Mais Médicos"

O título da postagem me instigou a confeccionar a presente opinião, respaldado pela importância que o tema está levantando na classe médica brasileira, enciumados por essa medida que, a priori, tem várias vertentes de interpretação, todas analisadas pelo prisma de quem dela absorve os benefícios ou malefícios. Enfocarei o lado da maioria, do usuário dos serviços de saúde, dos que clamam por melhorias urgentes na profilaxia, no tratamento das doenças e na humanização dos atendimentos por parte dos médicos brasileiros em suas diversas especialidades. E, para não distanciar muito o leitor desse noticioso de sua realidade, referir-me-ei especificamente à "Terra Querida", onde a verdade “nua e crua” é deveras redundante, crônica e, diagnosticamente, insolúvel até o momento desta análise.

Ao tramitar pela área da saúde ao longo de mais de cinco anos no município querido, pude presenciar o quanto é exaustivo [pra não dizer quase impossível] encontrar médicos verdadeiramente médicos, em todas as especialidades, principalmente clínicos gerais. Dos apresentáveis, nem 1% prioriza o ser humano como “matéria-prima” do seu salário, nem 1% demonstra amor à profissão e 99% utiliza a desculpa de que passou muito tempo estudando, pagando caro pra vestir um “avental branco e que, agora, tem que, a todo custo e de todas as formas imagináveis, reaver o “tempo perdido”, plagiando Renato Russo. E essas formas se materializam rotineiramente, quer seja no corre-corre de um município pra outro, quer seja olhando na cara do paciente e fazendo papel de macumbeiro [querendo adivinhar a doença sem os exames preliminares, principalmente os laboratoriais, pois estes demoram dias para serem concluídos], quer seja no diálogo [muitas vezes, áspero] com o paciente e demais servidores, impossibilitando o relacionamento humano, e por aí vai, cujo resultado final não é outro se não a completa precarização dos serviços de saúde.

O médico, nesse caso, é tido como o pilar de um complexo sistema viciado, ou seja, depende dele a “cura” dos males, mesmo porque, na apresentação e pré-contratação, o discurso é bem salutar, com proposta e contraproposta coerentes e realizáveis [de serviços e financeira a contento]. Quando o começa a valer o vínculo propriamente dito, a única coisa que não muda é o valor inicialmente acordado e depositado na conta corrente do médico, pois a prestação dos serviços é jogada ao léu.

Sabemos que dinheiro é bom, muito bom, principalmente no nosso bolso. Acredito que dinheiro seria ótimo se realmente, ao final de nossos meses, restassem ainda alguns trocados para suprir as nossas necessidades de consumidor. Ótimo também seria se, ao deitarmos, pudéssemos refletir se estamos ganhando esse dinheiro de forma “merecedora”, se realmente fazemos jus a ele, seja ganhando um salário de trabalhador [R$ 678,00], de doutor-médico [R$ 10.000,00] ou de político [ine$tipulável e dentro da legalidade].

Nos idos do ano 2000 e tal, um cidadão luziense se formou em medicina, recebendo mensalmente uma “ajuda” do governo municipal. Recém-formado, com diploma na mão, foi “convidado pela secretária de saúde da época, a trabalhar em um PSF da "Terra Querida", ao que, INFORMADO de que o salário bruto seria de R$ 6.000,00 e R$ 4.500,00 líquidos, o mesmo ficou INcomFORMADO e recusou, pois sua proposta se aproximava dos R$ 10.000,00. Ou seja, esqueceu de ajudar quem o ajudou, procurando outras plagas mais rentáveis.

Atualmente, e por estar fora da área da saúde, não sei quantos e quem são os médicos que estão no quadro funcional da municipalidade, mas tenho a plena convicção de que esses também estão a favor do argumento contrário à contratação dos médicos estrangeiros para exercer a profissão no Brasil. Pode ser que, com essa medida paliativa, muitos deles resolvam realmente melhorar a prestação de seus serviços, revertendo, um pouco, o quadro crítico em que se encontra a área da saúde pública luziense, não diferente da brasileira. Não sei se o secretário de saúde credenciou Santa Luzia no programa do governo federal, mas se não o fez, deveria fazê-lo, já que nunca tivemos um médico residente no município. E, se o fez, flexibiliza o discurso com a classe médica, muitas vezes irredutível no fator financeiro, dado às altas cifras que são cobradas pelos pretensos candidatos.

Edson Martins
[Funcionário Público Municipal]

N.E.: O artigo acima foi enviado ao blog via email e transcrito na íntegra, porém o conteúdo é de total responsabilidade do autor e reflete unicamente sua opinião, não tendo nenhuma relação com a posição do signatário desta página sobre o tema em debate.

Círio 2013 - mensagem do pároco


Queridos irmãos e irmãs!
Paz e Bem!

É Círio outra vez! Maria neste ano nos convida mais a vivermos esse momento de alegria, de fé e de nos entregarmos com muito carinho e devoção ao Evangelho de nosso Bom Deus.

Nos singelos atos que nos inspira a fé de puxarmos a corda, de andarmos descalços em procissão, de chorarmos de braços erguidos para o céu e de tocarmos não apenas com as mãos, mas com a alma e o coração, na dulcíssima "Senhora da Berlinda", ela nos chama. Nossa Mãe quer nos ensinar a dizermos "SIM" a Deus através de seu próprio sim. Nós, filhos amados de seu filho Jesus Cristo, temos a honra de celebrar junto com Maria tudo aquilo que Deus nos diz. E é por isso mesmo que ela nos ensina: “Façam tudo que Ele vos disser”. Ela quer fazer parte de nossa vida para que aprendamos a amar a Deus e nunca perdermos a determinação de chegarmos um dia a eterna glória que já está reservada para cada um de nós no céu.

Os mesmos passos que Nossa Senhora ensinou ao Filho Unigênito de Deus e seu filho amado, hoje também, ela quer nos ensinar, porque esses mesmos passos nos conduzirão firmemente pelo caminho santificador que é o próprio Cristo.

Fazer tudo o que Ele nos disser, não é tão simples, nem menos doloroso. Mas tenhamos a coragem e sejamos conscientes de que para Deus nada é impossível. Além do mais, Jesus nos diz que se quisermos o seguir, se quisermos chegar um dia lá no céu, temos que pegar nossa cruz e segui-lo sem olhar para trás, em total entrega e livre de vontade de participação na continuação do Reino de Deus Pai. Por que Ele estará conosco até o fim dos tempos e se nos apegarmos a Imaculada Maria e Mãe de todos os pecadores, Ela também permanecerá intercedendo por cada um de seus filhos, aqueles que têm tanta sede de amor e necessitam ser abraçados pelo mesmo amor que um dia ela mesma ofereceu e ainda oferece a seu Filho Jesus Cristo.

Não desprezemos nossa Mãe, não nos afastemos de seu carinho, não sejamos hipócritas ao dizer que amamos a Cristo e não reconhecemos a participação de Maria na história da salvação da humanidade. Temos que viver segundo o exemplo dela durante esse período preparativo para a sua grande festa, sem ser o suficiente, temos que viver durante toda a nossa vida espelhados em Maria.

Que nesse ano da fé, estejamos preparados para acolhermos Maria de Nazaré em nossa vida e em nosso coração. Que ela mesma seja a nossa estrela guia em todos os momentos de nossa caminhada.

Inunda a nossa alma com o teu amor. E assim, faremos tudo o que Ele nos disser. Nossa Senhora de Nazaré, rogai por nós. Amém!

Pe. Raimundo Elias de Souza
[Pároco de Santa Luzia do Pará]

"VIII Círio de Nossa Senhora de Nazaré" de Santa Luzia do Pará

Clique na imagem para vê-la em tamanho ampliado

Abaixo a programação religiosa

Clique na imagem para vê-la em tamanho ampliado

Colabore com a construção da igreja de Nossa Senhora de Nazaré


Vem aí a "III Seresta da Independência"


XVII Liquida Geral de Capanema começa hoje

Há 17 anos o comércio de Capanema realiza três dias de ofertas de preços durante a promoção conhecida como "Liquidada Geral", que este ano começa hoje, 04, quarta-feira, e vai até o dia 06, próxima sexta-feira, da qual o município é pioneiro no Pará.

Apesar da grande euforia dos consumidores que passam o ano inteiro esperando essa data - que já virou tradição em Capanema e região - há muitas reclamações por causa dos comerciantes inescrupulosos que estão colocando a perder a credibilidade do projeto, aumentando seus preços às vésperas da data e baixando-os durante o período, para os mesmos patamares de antes, passando assim a falsa impressão de que realmente os preços caíram.

Outros colocam na promoção apenas produtos encalhados porque ninguém quis comprar durante o ano inteiro. No ano passado uma grande loja de departamentos da cidade chegou a ser vaiada por causa isso.



Municípios paraenses contemplados com médicos cubanos do programa "Mais Médicos"

Clique na imagem para vê-la em tamanho ampliado



Fonte: Ministério da Saúde

Avião de pequeno porte cai em Belém e mata três

Um avião de pequeno porte caiu nesta tarde na estrada da Ceasa, em Belém. Três pessoas morreram no acidente que está sendo apurado pelo 1º Serviço Regional de Investigação de Acidentes Aeronáuticos [Seripa I].

A aeronave, da empresa de táxi-aéreo Dourado, decolou às 14:46 hs de Belém com destino a Breves

Médicos brasileiros do programa "Mais Médicos" que irão atuar em municípios paraenses já começaram a chegar

O Pará já começou a receber profissionais com diplomas brasileiros para o programa "Mais Médicos", do governo federal. Na primeira fase, 43 profissionais atuarão em 25 municípios do estado, sendo dois distritos indígenas. Os médicos receberão o salário de R$ 10 mil por 8 diárias de trabalho, de segunda a sexta-feira.

Conheça os municípios contemplados:


A agonia dos municípios

Não é minha intenção de que essas poucas palavras sejam interpretadas somente pelo viés político – partidário até por que suas reflexões, argumentos, ideias e informações principais ultrapassam, e muito, os limites geográficos da “Terra Querida”. Há algum tempo, sentimos que a economia de um modo geral não vai bem. Vemos isso estampado nos jornais, nas revistas, na TV e principalmente no cotidiano das pequenas e grandes cidades brasileiras.

Após anos de crescimento, tímido se comparado aos demais países em desenvolvimento, o Brasil entra em um ciclo perigoso de inflação, desemprego, queda da renda do trabalhador, redução de investimentos que sugerem uma forte desaceleração da economia, ignorada pelo governo e pela propaganda oficial.

E, como sabemos, em tempos de “vacas gordas” todos ganham. Uns mais outros menos. No que se refere à partilha dos recursos arrecadados [impostos] pelos governos e a sua distribuição entre os entes federativos - União, estados e municípios, o primeiro [União] - concentra em suas mãos a maior parte desses recursos, transferindo para os demais [estados e municípios] determinadas responsabilidades que se mostram inviáveis em função da reduzida disponibilidade financeira, principalmente dos municípios o que coloca em risco o frágil equilíbrio do pacto federativo.

Esse cenário é suavizado quando há forte crescimento econômico que gera mais investimentos, empregos e arrecadação de impostos, criando uma “sensação de bem estar politico e econômico” e uma aparente unidade entre União, estado e municípios. Mas quando o país entra em um período de baixo crescimento a situação se inverte gerando um ciclo vicioso que prejudica todos, em particular os pequenos municípios que não têm receita própria e sobrevivem de recursos transferidos pela união á exemplo do FPM – Fundo de Participação dos Municípios. Recentemente a agremiação que representa todos os municípios brasileiros mobilizou milhares de prefeitos e prefeitas de todo o país para protestar contra esse processo de “aniquilamento” dos municípios e propor novas mudanças na distribuição dos recursos federais para os municípios, criando na “Marcha á Brasília” um clima favorável ás suas pretensões.

Em uma reunião com a presidente Dilma Rousseff foram discutidas propostas, ideias e ações práticas para tentar salvar os municípios. Muitas promessas, alguns afagos, vaias, presentes [máquinas e equipamentos] e até o compromisso do governo federal com a liberação de recursos em duas parcelas [até agora nada] foram feitas, mas pouca coisa concreta capaz de resolver o problema.

Estudos comprovam que a grande maioria dos municípios pequenos depende quase que exclusivamente do FPM para sobreviver. Um ou outro desavisado pode questionar “e o Fundeb?” “e os recursos da saúde?”. É bom lembrar que são receitas redistributivas de caráter específicos que não podem e não devem ser usadas pra outras finalidades como limpeza de ruas, abertura de ramais, construção de praça, aragem de terras para a agricultura... Até os recursos de emendas parlamentares e convênios que fluem para os municípios também seguem a mesma natureza de aplicação e prestação de contas.

Podem também argumentar que o governo federal tem dado “isso e aquilo” aos municípios. O que é parcialmente verdade, porém quando o governo federal faz isso [creches, ônibus, máquinas... ], apesar de ser bem vindo, acaba aumentando ainda mais as despesas do município com novos professores, serventes, vigias, motoristas, inflando ainda mais a folha de pagamentos da prefeitura. Presente de grego!

Recentemente para melhorar a popularidade da presidente e agradar as montadoras de automóveis e a indústria de eletrodomésticos [fogões, geladeiras...] o governo resolveu reduzir ou até zerar os mesmos impostos que junto com o imposto de renda são usados para compor o FPM distribuído aos municípios e o resultado é que vários municípios correm o risco de quebrar.

Santa Luzia do Pará, por exemplo, recebeu [encontra-se retido na receita federal por dívidas de governos anteriores] no último dia 20/08/2013 a inacreditável cifra de apenas R$ 35.000,00 [trinta e cinco mil reais] que são insuficientes até para pagar o duodécimo da câmara municipal [imagine os serviços básicos] que equivale á aproximadamente R$ 80.000,00. Não por acaso, o prefeito de Santa Luzia, embora tenha demonstrado avanços, está tendo sérias dificuldades para manter o município funcionando em sua plenitude. Isso obriga os gestores municipais, de um modo geral, a rever seus orçamentos, refazer seus cálculos e fazer determinados sacrifícios e cortes nos gastos, atrasos na execução e pagamento de serviços que acabam provocando incompreensão e “chiadeira” de seus munícipes.

Essas lógicas têm provocado à agonia dos brasileiros!

Jorge Daniel
[Professor especialista em Educação Ambiental]

"Mais Médicos" contempla apenas três municípios da região dos caetés

Na distribuição dos médicos do programa "Mais Médicos", do governo federal, o Pará ficou apenas com 44 profissionais, sendo que na região dos caetés, apenas 3 municípios serão contemplados: Bragança, Peixe-Boi e São João de Pirabas, com um médico cada.