Leitores do blog denunciam as péssimas condições da rua José Cirino, no bairro Natolândia

Na semana passada, o blog publicou na coluna "Em tempo", sob o título "Chuvas" o desabafo de um leitor - enviado via contato de WhatsApp - que não quis se identificar, relatando as péssimas condições da rua José Cirino, no bairro Natolândia, também conhecido como "Baixada", em razão do período chuvoso que castiga o local durante essa época do ano, conforme transcrito abaixo:
Chuvas
Moradores da rua José Cirino no bairro Natolândia, também conhecido como baixada, reclamam dos constantes alagamentos na área toda vez que a chuva castiga um pouco mais. Em contato com o blog na semana passada um morador que preferiu o anonimato, disse que a situação por lá é muito difícil e não é de agora. Todo ano durante o período chuvoso é a mesma coisa: a água inunda a rua dificultando o tráfego e invade boa parte das casas. Em governos anteriores, destacou o interlocutor, os moradores denunciaram a situação na prefeitura e até abaixo-assinados foram feitos pedindo a realização de serviços de aterramento, drenagem e terraplanagem, mas nunca foram atendidos e nada foi feito. Lamenta...
Já na segunda-feira desta semana, 20, depois de ler o desabafo do morador do retrocitado bairro reproduzido aqui no blog, outro leitor que também reside na mesma área, identificado como Adailton, também entrou em contato pelo mesmo canal de comunicação desta página, para fazer o seguinte comentário:
Olá, ajude-nos! Meu nome é Adailton [moro na rua José Cirino, no bairro Natolândia, por trás da casa da vereadora Socorro Saldanha], e vim por meio deste WhatsApp para desabafar. Queria que você me atendesse por meio do blog, eu e nós moradores daqui, que estamos precisando divulgar essa notícia por que só eu e os moradores daqui sabemos o que se passa aqui quando chove. A força da água é tão grande que já entrou três vezes dentro das casas só esses dias. Precisamos de ajuda, essas são as fotos que estou lhe enviando.
Abaixo as fotos enviadas pelo senhor Adailton:




Comentários

Anônimo disse…
Hahahahaha.... Quem mora em lagoa é sapo. Quem ti deu essa casa. Nao ti dar outra não 👊
Anônimo disse…
há questão que o povo invadiram a beira do rio e toda vez que chove o rio enche e a natureza e o povo fazem casas em não aterram os terrenos a tendência e alagar mesmo acho pra melhorar teria que um trabalho de limpeza do rio